5.4.17

ÚNICO INTEIRO

De todos os cegos que me cercam
Eu pude ver você
Entre o meio e fim
Eu pude conhecer você
Entre o racional e irracional
Eu pude amar você

De todos os moços que te cortejaram
Você pôde me ver
Entre as minhas peculiaridades
Você construiu sua morada
Entre meus medos e anseios
Você anunciou sua chegada

Hoje estamos entre o inicio e meio
Caminhando de mãos dadas
Entre o que não foi e será
Somos um único inteiro
De muitos beijos
De amor verdadeiro.