20.6.16

O ONTEM NO ONTEM

Pra que viver preso no passado
Se a vida não parou?
Pra que viver magoado ou ressentido
Se a jornada só continuou?

O meu maior sucesso foi conseguir
Por fim em melindres do passado
Que por muito tempo me assombraram
Fizeram de mim um ator horrível

Uma das minhas maiores conquistas
Foi aprender a deixar o ontem no ontem
E tenho que dizer
Não será possível bem viver
Se o passado for presente
E o presente não tiver valor.