8.8.16

VIVER BEM

Não vou mentir
Quero viver bem
Mas parece tão difícil
Com tantos poréns
Com tantas impossibilidades
Com tantas dificuldades

Eu quero viver bem
Com as rosas e seus espinhos
Com o ódio e o amor
Com o deleite e a dor
Mas parece inviável
Ser queimado ao tentar

Tentar ser conivente
Com as batalhas ardentes
Com as desgraças atraentes
Com as lutas persistentes
Com o medo da dor
Com a vontade de viver bem

Eu quero viver bem
Independentemente das tragédias
Do fogo na alma
Da batalha travada
Entre a alegria e a dor
Não sei querer diferente

Só aprendi a querer bem
A viver bem.