3.4.16

POÉTICA POPULAR (II)

DSC_0120 DSC_0108


Ainda carrego um bando de receios
E de vez em quando sou vitima de vários medos
Mas já não suporto tanta agonia
Não suporto tanta fantasia
E não quero viver mais uma vida mal vivida

Eu gosto de fazer loucuras
Mas gosto também de me sentir razoavelmente bem
Eu gosto de descansar
Mas gosto também de fugir para gritar
Preciso me sentir bem todos os dias

Tenho coragem para viver
Mas tenho preguiça de carregar receios tolos
Que tentam me impedir de viver
Já pensei no que devo fazer
Dizer que estou bem e que me coloquei a merce da vida para viver

Eu geralmente sou aquilo que pensam que não sou
Sou o que o vento soprou
A vida moldou
E estou bem.


DSC_0117 Sem título

A modelo das fotografias é a Jade Tresca que já possou para um outro trabalho: Psychological Terror. Preparamos mais algumas postagens, então aguarde! Até a próxima.