FURACÃO

Parece que o sol torrou meus neurônios, pois estou vivendo como um verdadeiro ser feliz. As tristezas foram empurradas para longe e eu estou verdadeiramente preso entre o chão e o ar. Estou bem e estou cada dia melhor. Estou feliz e a cada dia mais confiante. A esperança é a responsável por me tirar do chão e as toxinas do cotidiano me dão ânimo para continuar em pé no sol. Eu amo a vida que me cerca e não desejo que nada mude. Eu quero transformações necessárias e preciso seguir confiando no tempo exato de cada coisa.

Furacão

Minha insegurança foi ao chão juntamente com todo e qualquer tipo de mágoa. Não existe sensação melhor do que saber que meu lugar está reservado no coração de quem me ama. Cada amanhecer me faz novo e cada anoitecer me trás a sensação de que tudo ficará bem. Eu sou um furacão de sensações reais e sentimentos verdadeiros. Sou tão marcante quanto o vento e tão quente quanto um dia de verão. Espalho minhas sensações como um furacão e toco todos que me permitem como uma brisa.

Aí vem um novo dia e uma nova oportunidade! A estrada é cheia de coisas boas e o céu, por diversas diversas, é azul. Eu sorrio para dizer ao mundo o quanto sou grato por tudo que tenho. Eu continuo escrevendo para provar a mim o quanto sou capaz de superar cada fracasso. Eu fotografo para conseguir eternizar cada momento fantástico e cada perspectiva nova. Aí vou eu viver a vida como um furacão de coisas boas. Sim, o sentimento de viver está vivo dentro do meu peito e a sensação de alegria está quase que fixada em meu rosto.