10.9.16

GILVAZ


Minha pele já não é a mesma
Minhas feridas o tempo secou
Hoje o que doía é cicatriz

Minha alma já é diferente
É vivida e experiente
Cheia de histórias

Meu sorriso já não é o mesmo
Hoje sorrio sem medo
Sorrio por ter cicatrizes

Meu olhar é diferente
Sem rótulos e sem prévias definições
Meu olhar é raio x

Hoje eu sou diferente
Nem o mesmo de ontem
Nem o mesmo de amanhã
Sou o conjunto de cicatrizes
O acúmulo de histórias
Sou diferentemente eu
Com as minhas dores
Minha liberdade
Minhas saudades
E meus amores