24.9.16

MURRO



Me esmurra forte. Me deixe ao chão
Me acaricia com amor. Me levante agora
Sinta minha respiração forte. Me rasga em muitos pedaços
Me arraste para longe. Me enterre no seu jardim
Esquarteja-me em muitos. Guarde meus pedaços
Tire as minhas roupas
Tire as suas vestes
Deite-se ao meu lado
Sinta meu corpo gelado
Cante no meu ouvido
Segure as minhas mãos. Não me solte
Segure minhas lembranças. Deixe o vento leva-las
Segure as minhas lágrimas. Lembre-se de mim chorando
Plante as minhas flores no seu jardim
Para jamais se esquecer de mim
Guarde um pouco do meu sangue
Para colorir as minhas rosas brancas
Aquelas rosas que te entreguei sempre
Cultive-as e as trate bem
Cante para as flores nossa canção
Enquanto você reconstrói seu coração

Me dê um murro. Me esfaqueie
Me deixe aqui. guarde esse momento
Me esqueça. Escreva sobre mim