23.9.16

TEXTO AO AMOR


Existe alguma coisa mudada, qualquer traço diferente. Existe uma mudança drástica, existe algo que mudou entre a gente.

Você me deu uma impressão diferenciada e me fez te ver com outros olhos. Aparentemente você não precisa do meu amor e dos meus afetos e não sente mais necessidade de estar ao meu lado. Eu, para ser bem sincero, me questiono o que foi alterado dentro de você. Te olhando de longe sei exatamente o que está diferente: você parece querer se vingar das suas ilusões e desilusões sobre o amor.

Querida, eu te entreguei o meu pequeno mundo sem graça para você dar sentido a ele, mas tudo que tem feito até agora é destruir e rejeitar tudo que te dei. Não te pedi nada além daquilo que você poderia me dar, mas você nem sequer me ouviu, preferiu colocar todas as suas vontades em primeiro lugar e simplesmente me ignorou. Eu não te pedi para estar abaixo ou acima de mim, na frente ou atrás e não pedi para você jogar fora os sonhos que você sonhou para você.

Você me empurrou para o mar do rancor e me afogou e ria enquanto eu morria lentamente. Garota, você fez de um jeito que eu não entendi, disse umas palavras que eu não merecia ouvir e me abandonou no momento errado. Eu precisei de você por várias vezes enquanto estive em desespero e também careci da sua presença quando estive na alegria, mas você me esculachou, gritou e desdenhou, não bem me quis e fez pouco caso das minhas alegrias e fracassos. Quando eu disse que gostaria de estar mais perto de você, você quase mandou eu ir me foder. Então saiba você que estou aqui atendendo o seu pedido: me fodi tentando te dar amor e hoje nem tenho mais certeza se você realmente me amou como eu te amei.